A minha alma nunca será atingida. Decidi viver. Prepare-se para a briga!

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Chegou a hora da reconstrução!





Depois de algum tempo estou aqui pra dar notícias.

Lembrei até da época que recebi o diagnóstico ( 2 anos fez neste inicio de mês ), o quanto era importante pra mim acompanhar os muitos blogs que tratavam do assunto, e quando via algum blog desatualizado eu logo pensava: Meu Deus, será que aconteceu alguma coisa com  a pessoa? Será que ficou doente? Rsrsrsr...infelizmente é assim mesmo.

Pois estou aqui e não estou doente graças a Deus. Tento atualizar as pessoas que me seguem na página do facebook, mas os relatos do dia a dia ficam melhores aqui no blog.

Vim falar da reconstrução da mama que acabou se tornando uma mini novela. 

Depois de finalmente conseguir me organizar em relação ao meu filho, arrumar alguém que me ajudasse com ele, decidi marcar. Tudo bem, tudo certo, até que fui levar meus exames de sangue ao meu cirurgião e como me tornei expert em analisar exames já sabia que tinha algo errado.

Minhas taxas muiiiiiito baixas...uma anemia que me persegue, só que dessa vez mais forte. A cirurgia que deveria ter sido feita dia 23 de junho foi adiada para que tratasse com medicação endonvenosa no hospital. Lá fui eu para várias e chatas aplicações de noripurum na veia.

O médico me deu um prazo de 45 dias, mas adiantou que seria um pouco difícil subir para a cirurgia.

Mais uma vez me apeguei em Deus e na minha fé e descansei. Foi bom, pq meu filhote entrou de férias e seria um transtorno ele em casa comigo acamada. 

Aproveitei pra passear, descansar que nunca kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...ele não deixa.



Até que finalmente há quase duas semanas concluí as aplicações, fiz novos exames e graças a Deus,minhas taxas subiram e muito bem.

A cirurgia está marcada para a próxima terça feira, dia 11 e desde já peço pensamento e vibrações positivas para que tudo corra bem.

Neste meio tempo tenho tentado preparar meu emocional para a dependência momentânea e exercitar a paciência , tolerância e o perdão.

Não está sendo difícil, porque como se não bastasse esse vai e vem para o hospital, muita gente não colabora no sentido de nos dar um pouco de paz.

Passei alguns aborrecimentos de ordem pessoal que me fazem ficar ainda mais preocupada com uma recidiva ou metástase. Meu filho é pequeno e depende muito de mim. As vezes me vejo pensando em como seria a vidinha dele sem a minha presença e clamo novamente a Deus que me segure por aqui por pelo menos mais uns 10 anos.

Ele vai fazer 4 anos e seria duro pra ele neste momento não poder contar por exemplo com o apoio e presença daquele que é pai dele.


Mas, não vou falar disso, não mesmo. Acredito na lei do retorno, e é com ela que conto.

Voltando a cirurgia, não precisarei de fazer a técnica com retalho e nem tão pouco vir de dreno pra casa, o que já é um grande alivio, pois seria mais um limitador.

Como coloquei expansor mamário, vou apenas retirar o expansor e colocar a prótese. A outra mama também será mexida para fazer a simetria e troca de prótese, pois já tinha antes do câncer.

Não estou com medo e nem ansiosa ou preocupada com resultado. Claro que gostaria que ficasse legal, bonito, harmônico...mas, sabe aquela fase em que somente estar viva e com saúde já está de bom tamanho? Pois é, estacionei nela.

Emagreci mais um pouco, dei uma engordadinha e assim vamos indo. Essa ansiedade de forma geral me faz ficar ainda mais compulsiva.

Outras coisas me preocupam, mas tenho fé que vou conseguir passar por essa etapa e tudo vai ficar bem.


Pensando também no auxilio doença e se irei conseguir o afastamento e por quanto tempo. Alguma de vocês sabe me dizer?????????????????????????????????

Enfim, acredito que depois da recontrução vai ser como ter zerado esse período chamado câncer, apesar de ainda ter que enfrentar o tamoxifeno e as revisões por mais longos 8 anos. Mas, quero tentar colocar algumas vontades em prática, como andar de bicicleta...saltar de parapente ...fazer uma luta...correr...me exercitar de forma permanente. Me envolver de forma mais efetiva em algum projeto em prol de mulheres com câncer de mama, voltar a trabalhar fora ( estou agora desempregada ), colocar meu filho em um esporte e viver!

Coincidentemente ou não, mais uma vez o mês de Agosto vai se tornar um marco. O mês do diagnostico, vai ser também o da reconstrução.

É isso. Mando noticias assim que puder.

Beijo grande pra vocês.





5 comentários:

  1. Andrea sempre acompanho seu blog, tb tenho 38 anos e fiz minha cirurgia de reconstrução tem 13 dias, com troca do expansor e simetria da outra, foi tudo tranquilo, quanto ao inss, acho que consegue uns 2 meses, no meu caso que sou autônoma, contribuinte indivdual, o medico pediu isso uns 60 dias, mais ainda nem consegui marcar a pericia pois esta em greve, vai dar tudo certo , bjinhos,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sandra!
      Que maravilha que td correu bem
      Me add no watsap p gente trocar ideia! Bjo
      27 997209983

      Excluir
  2. O INSS dá afastamento sim, porque você ficará impossibilitada de dirigir e algumas outras coisas. Como a reconstrução é necessária, não tem problema nenhum. Se fosse cirurgia estética é diferente, mas não é o caso.

    ResponderExcluir
  3. MEUS QUERIDOS,
    Quem me conhece sabe da minha experiência jurídica na área de saúde, e nos últimos tempos, tenho visto inúmeras reportagens sobre a cura do câncer através da substância FOSFOETANOLAMINA.
    Meus avós, tios, e outros parentes próximos sofreram e alguns até morreram por esta doença então meu interesse é legítimo.
    Sim, o tratamento é experimental, e por isso, ainda não tem aprovação da Anvisa ou chancela da ANS. Mas os relatos de resultados são tão surpreendentes que tem feito muitos pacientes procurar o medicamento.
    Nos últimos meses, o assunto tem sido pauta de discussões acirradas no Poder Judiciário e, graças a Deus, a decisão mais recente autoriza o uso das cápsulas, caso tenha indicação médica.
    Claro que existem interesses obscuros nessa comercialização e não se pode deixar de cogitar do prejuízo que a indústria farmacêutica terá com o eventual reconhecimento de cura da doença da substância.
    Imaginem. Despesas mensais por pacientes que alcançam mais de R$ 100.000,00 ao mês. POR PACIENTE!!! Tudo indo por água a baixo, pois o valor de mercado da fosfoetanolamina é de R$ 0,10 por capsula.
    O fato é que os pacientes que estão sofrendo não podem deixar de tentar esta alternativa. Claro, isto se o médico que lhe dá assistência não apresentar nenhuma resistência.
    Por isso, e não só por ser advogada militante nesta área, convoco a todos para lutar pela liberação das cápsulas, judicial ou extrajudicialmente.
    Segue o link para assinar a petição!
    Sem preguiça pessoal!!!!

    http://www.peticaopublica.com.br/psign.aspx?pi=BR85788

    **** Para quem precisa de orientação jurídica, meu perfil no facebook é https://www.facebook.com/natpoletto

    ResponderExcluir
  4. Nossa que história forte, realmente tem que ter muita força e determinação para não abaixar a cabeça e nem desanimar um só instante. Tem Que Acreditar sempre na vitória.

    Neste link abaixo tem uma Cartilha sobre Câncer de Mama e Várias outras informações importante sobre o assunto que achei prudente compartilhar.
    http://www.realizajadf.com.br/#!OUTUBRO-ROSA-ATENTA-PARA-A-IMPORTÂNCIA-DA-PREVENÇÃO-DO-CÂNCER-DE-MAMA-Realiza-já-o-Exame/c0766/563d0ae30cf275e9c59b424d

    ResponderExcluir

Andreia Turra. Tecnologia do Blogger.

© 2011 Caraca! Câncer de Mama..., AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena